Nota de repúdio – Sequestro de estudantes nigerianas

A Associação dos Advogados Criminalistas do Estado de Santa Catarina-AACRIMESC, em atenção ao art. 2º, § 3º, de seu Estatuto, vem repudiar o sequestro de mais de 200 meninas estudantes ocorridos na República Federal da Nigéria pelo grupo extremista Boko Haram.

Atos de extrema violência como esses ofendem os mais basilares direitos humanos, à vida, à liberdade, à igualdade, à educação, entre outros, e são inadmissíveis no atual estágio de evolução da humanidade.

Roga-se que o Governo Brasileiro ingresse com procedimentos junto aos Organismos Internacionais para que o Governo Nigeriano tome as providencias necessárias para resolução imediata do inconcebível sequestro.

A AACRIMESC solidariza-se com as crianças e mulheres nigerianas, esperando que fatos abomináveis como esse não voltem a acontecer.